Inscreva seu e-mail para receber atualizações!

segunda-feira, 26 de setembro de 2016

Hora de falar sobre doação de órgãos



                Dia 27 de setembro o mundo celebra do Dia do Doador de Órgãos. A data internacional mostra que a luta pela vida não depende de nacionalidade. Ela abraça a humanidade como um todo, trazendo oportunidade de vida plena e digna a todos que aguardam por transplantes. Segundo a Associação Brasileira de Transplantes de Órgãos, hoje são mais de 34 mil brasileiros que amargam a angústia da espera por um transplante.
                Mudar essa realidade depende da vontade de cada um. “Pela Lei, a decisão de doar ou não os órgãos depende da família. Por isso é fundamental conversar muito em casa sobre a vontade de doar. Essa é a mensagem que procuramos reforçar sempre”, ressalta o presidente da Frente Parlamentar de Estímulo à Doação de Órgãos, deputado estadual Adilson Troca.
                Apesar da importância da causa, ainda existe muita desinformação, preconceito e dúvidas. Por isso é fundamental buscar informações. O maior empecilho para ampliar o número de doadores é a negativa da família, que recusa a doação em 44% dos casos.
                Para dar visibilidade a Doação, nesta semana, diversos prédios públicos estão recebendo iluminação verde, cor que simboliza a esperança. “Doar órgãos é acima de tudo um gesto de amor ao próximo. Por isso convidamos a todos que discutam este assunto com seus amigos e familiares, que compartilhem sua vontade de doar órgãos nas redes sociais. É hora de fazer uma corrente pela vida” conclui Adilson Troca.

                A Frente Parlamentar de Estímulo à Doação de Órgãos da Assembleia Legislativa, presidida pelo deputado Adilson Troca, trabalha desde 2005 em parceria com sindicatos, conselhos profissionais, entidades, ONGS, Ministério Público, Poder Judiciário e Executivo pela divulgação de informações sobre a Doação de Órgãos. Durante todo ano acontecem eventos para tratar do tema, publicação e cartilhas educativas e é atualizada a página www.facebook.com/soudoador.

Dia Estadual do Volei é comemorado com festa em Nova Petrópolis



A celebração aconteceu neste domingo, 25, em Nova Petrópolis, reunindo o Presidente da Federação Gaúcha de Volei, Carlos Cimino, embaixadores do vôlei gaúcho, autoridades, atletas, professores, patrocinadores e mais de 500 atletas.
O Dia Estadual do Voleibol no Rio Grande do Sul,  celebrado no dia 27 de setembro, foi criado pelo deputado Adilson Troca em parceria com a FGV. O evento é uma realização da Federação Gaúcha de Voleibol com chancela da Confederação Brasileira de Voleibol (CBV), em parceria com a Prefeitura de Nova Petrópolis, SESC - Caxias do Sul Fecomércio RS e Projeto Vôlei Nova Petrópolis.
Gustavo Endres, Alex Lenz, Manius Abad e Martina Roese, representando Carol Albuquerque foram os embaixadores do voleibol gaúcho presentes na cerimônia. Os atletas posaram para fotos, deram autógrafos para as crianças e jogaram partidas com os participantes.  O presidente da Federação Gaúcha de Voleibol (FGV), Carlos Alberto Cimino; o vice-prefeito Municipal em Exercício, Gregor Hermann; o secretário Municipal de Educação, Cultura e Desporto, Ricardo Lawrenz; o deputado Estadual Adilson Troca, representado por André Palácio; o presidente do Sindicato dos Profissionais de Educação Física, Ubirajara Brites; e o patrono da FGV, Arno Rampp participaram da solenidade.

27 de Setembro – Dia do Doador de Órgãos


*Adilson Troca
                Diversos prédios públicos de todo país estão recebendo iluminação especial verde nesta semana em alusão a uma causa permeada de esperança: a doação de órgãos. É através dela que se concretizam os transplantes, que trazem nova oportunidade de vida aos mais de 33 mil brasileiros que sofrem a angústia das filas de espera por órgãos.
                Na próxima terça-feira (27), celebra-se o Dia do Doador de Órgãos. A data serve para valorizar quem escolhe a solidariedade e também para ampliar o processo de conscientização para quem ainda não tem posição definida. Para ser doador não é necessário deixar nada escrito e nem documentado. Pela Lei brasileira a decisão cabe a família e é justamente por isso que o diálogo em casa é fundamental.
                O Rio Grande do Sul é um dos Estados com melhores resultados do Brasil, com 25,2 doadores efetivos por milhão de pessoas, bem à frente da média nacional que é de 14. O resultado se traduz em possibilidade de vida para aos 1.163 gaúchos adultos em lista de espera. Este semestre a Associação Brasileira de Transplante de Órgãos (ABTO), revelou em seu relatório que, no Rio Grande do Sul, também 23 crianças aguardam por transplante.
                O desafio maior está na consciência. Em nosso Estado, ainda hoje, 41% das famílias recusam a doação no momento da entrevista. Mudar essa realidade depende de duas coisas: informação e diálogo. É por isso que convidamos a ti e tua família, nesta semana tão especial, a conversarem sobre a vontade de ser doador.
                Escolha a vida. Escolha ser doador. Comunique sua escolha. Eu sou doador. E você?


*Deputado Estadual, Presidente da Frente Parlamentar de Estímulo à Doação de Órgãos

quinta-feira, 15 de setembro de 2016

Judiciário protocola projeto sobre fundos notoriais e registrais


            O vice presidente da Assembleia Legislativa, deputado estadual Adilson Troca (PSDB), recebeu do Presidente do Tribunal de Justiça, Desembargador Luiz Felipe Silveira Difini, o projeto de lei que trata da atualização dos fundos notoriais e registrais. A Comissão de Assuntos Institucionais do TJ, presidida por desembargador Cairo Madruga, acompanhou o ato realizado nesta quinta-feira (15).
            O texto protocolado é fruto de um ano de trabalho intenso que reuniu todo o setor, buscando atender melhor e dar clareza aos serviços prestados.  O presidente do TJ pediu apoio da Assembleia Legislativa para que a matéria seja apreciada ainda em 2016, para que as alterações possam ter validade no próximo ano.

            O deputado Adilson Troca agradeceu a visita e disse que o parlamento vai analisar o projeto com total atenção.

Assembleia recebe projeto do Orçamento do Estado para 2017



O vice presidente da Assembleia Legislativa, deputado estadual Adilson Troca (PSDB), recebeu nesta quinta-feira (15), das mãos do Secretário do Planejamento, Mobilidade e Desenvolvimento Regional, Cristiano Tatsch, a proposta orçamentária para 2017. O texto estima as receitas para o exercício de 2017 em R$ 59,76 bilhões e as despesas em R$ 62,74 bilhões.
O PL enviado ao Legislativo contém o orçamento da administração direta, com a previsão das receitas e a fixação das despesas dos Poderes e Órgãos do Estado, autarquias, fundações e investimentos das empresas estatais gaúchas.
Acompanharam o ato os deputados Gabriel Souza e Ronaldo Santini

Vice presidente recebe protetores dos animais


            O vice presidente da Assembleia Legislativa, deputado estadual Adilson Troca (PSDB), juntamente com o deputado Gabriel Souza (PMDB), receberam uma comitiva de protetores dos animais nesta quinta-feira (15). O grupo solicita agilidade na votação do Projeto de Lei 391/2015, de autoria do deputado Gabriel, que consolida 14 leis já existentes referentes aos direitos dos animais.
            Acompanhados da vereadora Lourdes Sprenges, os ativistas explicaram suas lutas e a importância de viabilizar a aprovação do texto, que facilitará o trabalho de proteção aos animais. O deputado Adilson Troca afirmou que apresentará o pleito na próxima reunião de líderes e afirmou ser favorável a votação.

            

quarta-feira, 14 de setembro de 2016

PRÓPOR debate desafios e possibilidades das PPPs



            Há anos as Parcerias Público Privadas são apontadas como alternativas para a realização de obras e o desenvolvimento de outros setores. Ainda assim, no Rio Grande do Sul, pouco se avançou. Em busca de encontrar caminhos para as hidrovias, a Frente Parlamentar de Portos, Hidrovias e Polo Naval - PRÓPOR , realizou reunião de trabalho sobre as PPPs na manhã desta quarta-feira (14), no Plenarinho da Assembleia Legislativa .
            O presidente da PRÓPOR, deputado Adilson Troca, ressaltou que a Frente tem como missão contribuir na busca de soluções e que as Parcerias Público Privadas são estratégicas para que o setor naval e hidroviário se fortaleça.
            O representante da Unidade Executiva de Concessões e PPPs do Governo do Estado, Marcelo Spilki, apresentou um histórico do que o Rio Grande do Sul já realizou e o que está em estudo. Ele evidenciou que o setor rodoviário é o mais maduro neste tipo de parceria que estão sendo avaliadas as possibilidades no setor de saneamento e do Zoológico de Sapucaia.
            Já o representante do Office Bureau Commercial do Canada para a Região Sul do Brasil, Paulo Orlandi, apresentou a experiência do país, que é referência mundial em PPPs. Ele destacou que o Canadá tem intenção de ampliar os investimentos no Brasil e que o modelo de parceria ajudaria a atrair oportunidades para o Rio Grande do Sul.  

            O coordenador técnico da Frente, Jayme Ramis, aponta que esta é a oportunidade de saltar na frente de outros estados e criar formas inteligentes de crescer e inovar na crise porque passa o Brasil e o nosso Estado. 

terça-feira, 13 de setembro de 2016

Audiência pública aborda situação do Parque Eólico Ventos de Povo Novo



Até o final do ano, o ritmo das obras do Parque Eólico Ventos de Povo Novo, no município de Rio Grande, deverá ser normalizado. O porta-voz da notícia foi o diretor-presidente do Grupo CEEE, Paulo de Tarso Pinheiro Machado, que participou, hoje (12) à tarde, de audiência pública da Comissão de Economia, Desenvolvimento Sustentável e Turismo da Assembleia Legislativa para debater a situação do complexo eólico, cujas obras vêm se arrastando desde janeiro de 2015. “Dificuldades financeiras e entraves burocráticos acabaram inviabilizando a obtenção de empréstimos no BNDES e no BID, o que nos forçou a reduzir o ritmo das obras. Agora, aguardamos uma resposta da Caixa Econômica Federal até dezembro”, revelou Machado.
As tratativas da CEEE com a Caixa Econômica Federal envolvem um financiamento de R$ 500 milhões, dos quais R$ 153 milhões deverão ser investidos na conclusão do parque de Povo Novo. O restante do valor será destinado aos parques eólico vizinhos, o Ventos de Curupira e o Ventos de Vera Cruz. Com 25 aerogeradores ao todo, o complexo terá uma potência instalada de 52,5 megawatts, suficiente para alimentar uma cidade com 120 mil habitantes.
O presidente da Comissão, deputado Adilson Troca (PSDB), autor do requerimento para a realização da audiência pública, enfatizou que a energia elétrica é fonte de renda para os municípios e se constituiu num componente estratégico do desenvolvimento regional. “Precisamos reunir esforços e apoio político para que o empreendimento seja concluído”, frisou. O parlamentar propôs a realização de uma audiência pública no município de Rio Grande para esclarecer a comunidade sobre os encaminhamentos adotados para assegurar a conclusão das obras.
O vereador Flávio Santos ressaltou a importância da união das forças política para se mobilizarem em favor da manutenção dos investimentos. O secretário de Desenvolvimento, Inovação, Emprego e Renda de Rio Grande, Neuto Jordano Marques, afirmou que o empreendimento, que é o primeiro em energia eólica realizado pela CEEE, é estratégico para o município.
Também participaram da reunião vereadores e lideranças do município de Rio Grande.


Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...